Meu Filho não é apenas um bebê. Juro. Suspeito ser ele a doçura, em pessoa! Um sorriso em forma de criança... Talvez um baú pequenino repleto de encantos... Ou até mesmo um raiozinho que escapuliu do sol e veio parar aqui, na minha vida!
Ele não é uma simples pessoa, confesso...É um serzinho sublime, muito pequeno, dependente. Eu acho... Mas dentro dele cabe a maior felicidade do mundo! Temo algum dia eu explodir, de tanto orgulho. Ou morrer, de tanto amor!
(Por Daline Carla)

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Quem é vivo...


Pois é, a gente ainda existe e ainda lembra que tem blog... Então só para atualizar, dar sinal de vida, tirar as teias de aranha disso aqui, contar as novidades e falar um oi é que aparecemos hoje!


Já para falar da alergia e saúde do Caio, prometo que farei um post especialíssimo logo logo... afinal, as novidades que temos neste assunto merecem um título em letras garrafais, um texto mega elaborado, as melhores fotos que já tirei do Caio e a maior quantidade de linhas já escritas nesse blog (também a maior paciência por parte do leitor rs). Mas isso é um capítulo a parte,  só adianto que as notícias são as melhores possíveis!

Bem, mas vamos ao assunto: Novas!
Da última vez que passei aqui, Caio tinha 2 anos recém completos... hoje ele tem 2 anos e 4 meses e de lá para cá, muita coisa mudou.

Mudamos de endereço (físico mesmo, o endereço do blog continua este!), mudei de profissão, Caio mudou do berço para a cama, do quarto dos papis para o quarto próprio, das fraldas para as cuecas, do fuá assumido cabelo cacheado para cabelo de mocinho, passou de um bebê super falante para uma criança pensadora e com ideias próprias, aliás, suspeito que agora, beirando aos 2 anos e meio ele já não tenha mais quase nenhuma característica de bebê. Ou esse fato já é antigo e a lesma da mamãe é quem não percebeu antes, vai se saber!

Algumas coisas permanecem iguais, ou ainda mais aguçadas. Caio continua obsecado por bateria, já é um baterista melhor que a mamãe (grande coisa!). Segue botando a mamãe contra a parede surpreendendo com as perguntas, amando incontrolavelmente a bendita chupeta, continua sob os cuidados do papai pela manhã, com a vovó pela tarde e comigo a noite, na de escolhinha por enquanto...está a cada dia mais falante, lindo e esperto. Sou nem um pouquinho suspeita para dizer isso... Um amor de menino, simpático, engraçadinho, carinhoso, fazendo cada segundo de nossas vidas valer mais a pena!

Claro que também tem as pedrinhas no caminho... algumas traduzidas em “birra”, “chatice aguda”, “terrible two”, “chamados no meio da madrugada”... mas não passam de pequenas pedrinhas que não fazem mal a ninguém!


Resumão sobre as últimas novidades: Começamos o desfralde com 1 ano e 10 meses mais ou menos, e, aos 2 anos já estava completamente desfraldado... tivemos algumas dificuldades com o número 2, porém nada significante... não houveram grandes obstáculos, apenas as sujeiradas os probleminhas naturais deste processo... e mais uma etapa superada! Agora é pensar no desfralde noturno... acuda-nos, protetor dos colchões ensopados!

Enfim mudamos para a casa que tanto sonhamos e estamos adorando morar nela...Embora Caio ande adoecendo com frequência desde então, visto que a casa é mais fria e úmida que a antiga...então tem sempre um resfriado por aqui, fora o susto que levamos dia desses com uma febre alta que não cedia por nada... por conta disso Caio tomou uma benzetacil que o deixou  sem andar por 3 dias e, no final das contas, era apenas um quadro de roséola infantil sem nenhuma gravidade... ufa!

Aproveitamos a mudança para a “casa nova” para ensinar Caio a dormir longe de nós... ele tem uma maturidade (em termos de entender diálogos) incrível, e, para meu espanto, em menos de 1 semana ele já estava adaptado a dormir sozinho! Para uma mãe daquele menino que dormia num berço coladinho à nossa cama, precisava de minha presença para pegar no sono e me requisitava a noite inteirinha, agora apenas coloca-lo na cama, dar um beijo de boa noite, deixa-lo por contra própria e ele dormir eternas 12 horas seguidas, é um presente dos céus! Amo mais que brigadeiro!

Claro que a qualquer resfriadinho, nariz entupido, pico de desenvolvimento, dente nascendo, barriga cheia, barriga vazia, cocô inoportuno (sim, eles tb aparecem de madrugada!), sede, saudade ou simples vontade de gritar “MAMÃAAAAAAEEEEE! VEM AQUI!!!!” , ele acaba esquecendo que já é um moço que já dorme a noite inteira e regressa àquela fase de requisitar a mamãe (e o papai, é claro, deveres iguais!), mesmo que seja só para a gente chegar lá e ouvir dele: “vai embora! Vai dormir na sua cama!”. Pegadinha, só pode... ou apenas para saber que ainda estamos por perto... aposto na pegadinha!

Os deveres do papai e da mamãe, por aqui, são iguais sim... já quanto aos direitos, suspeito que eu esteja sendo injustiçada... o ingratozinho que carreguei 9 meses na minha barriga, tem uma descarada preferência pelo papai, que acaba recebendo 3x mais beijos, 3x mais abraços, 30x mais declarações de amor do que a pobrezinha da mamãe! Mas, lamúrias a parte, vamos encerrar o assunto por aqui... para quem só ia dar um oi, já escrevi demais.

Quem é vivo sempre aparece, mas também não precisa matracar tanto!


PS 1: conheça o novo trabalho desta mamãe aqui:

ou aqui:
facebook.com/ilustrefesta

PS 2: culpa dos desenhos que eu não tenho mais tempo de escrever aqui! Mas confesso que adoro!





6 comentários:

  1. Finalmente um nova leitura, rsrsrsr! Lindo como sempre...Estou esperando o post prometido!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Danny! é a correria... já estou mentalizando o novo post rs

      Excluir
  2. aiii como adoro ler as "cositas" que essa mulher posta...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ain como eu adoro ter essas amigas-corujas!

      Excluir
  3. ADORO ler seus posts... E trata de acabar essa mentalização e escrever logo esse tão esperado e aguardado post!!!!

    ResponderExcluir
  4. depois dessa ordem, fiquei até intimidada! rsrsrsrrs... logo sai!

    ResponderExcluir